Fechar imagem
Untitled Document

Turismo


Notícias


Pontos Turísticos

Monumento do Cristo Redentor;

Parque municipal Dr. Leopoldo Corrêa;

Clubes {sede campestre e social};

Igreja Matriz São Vicente Ferrer;

Balneários {Lago de furnas};

Praça da Bomba;

Museu Municipal;

Centro de Artesanato;

Cachoeiras e Lagoas;

Rios: Formiga, Mata Cavalo, Pouso Alegre, Lambari, Santana;

Lagoas: Fundão, Timboré, Tabuões, Neves, Campo do Pasto e Lagoa do Josino;

Serras: Baiões, Barreiro, Barriguda, Cachoeira, Cangalha e Melancia...

PRAÇA SÃO VICENTE FÉRRER

Na Praça São Vicente Ferrer encontra-se um belo conjunto arquitetônico, produto de concurso a nível nacional, ficando resguardado o conjunto ecológico, os casarões, a 1ª fonte luminosa da cidade, espaço para eventos artísticos, culturais e cívicos.

ARTESANATO

O Município já é conhecido regionalmente, pela beleza e criatividade de seus artesanatos. Rico,bonito,diversificado,são palavras exatas a se dizer.

Hoje, Formiga possui o Centro de Artesanato na Praça São VIcente Férrer.

ARTE BARROCA

A Igreja de São Vicente Ferrer é uma das mais belas da região. Inaugurada em 1873 e reformada em 1992, tem o seu interior fascinante, numa autêntica manifestação da arte, preservada com muito respeito pela população do município. Além da suntuosidade de seus altares, a igreja possui um órgão de rara beleza.

Em 1937, o Sr.Franz Stangelerger, sobrinho-neto de Schubert fez vir da Alemanha um órgão com 958 tubos, sendo o 5º maior do Brasil. O órgão se encontra na Matriz São Vicente Ferrer, e foi construído, todo em madeira, da Fazenda Bela Vista, de País, doada pelo Sr. Franz.

LAGO DE FURNAS

O reservatório de furnas é um lago artificial, alimentado pelos rios "GRANDE e SAPUCAÍ". Sua área total é de 1.473 km², o que equivale a seis vezes o tamanho da Baia de Guanabara, e uma extensão de perímetro de 3,7 mil km, quase a metade da costa brasileira. Margeia 34 municípios.

Suas águas são doces, verdes, cristalinas e límpidas. O lago de Furnas, que ocupa parte do município, tem volume equivalente a 2,6 bilhões de m³. Em épocas de fortes ventos, ocorre ondas, dando a impressão de ser um braço de mar.

MUSEU MUNICIPAL

Em 20 de abril de 1908 inaugurou-se, com grande festa, o trecho da via férrea entre Formiga e Arcos, da Companhia de Estrada de ferro Minas e ponto inicial da Estrada de ferro Goiás. Nesta época foi também construída a Estação Ferroviária, que durante várias décadas foi ponto central do município, responsável pelo escoamento de nossos produtos para todo o país e por onde chegaram várias gerações, que aqui fizeram história e o desenvolvimento de nosso município.

Após os anos 60, com a chegada dos modernos meios de transporte, a Estação Ferroviária foi deixada de lado.Chegando aos anos 90 o prédio já estava ao mais completo estado de abandono. No dia 27 de março o Prédio foi completamente restaurado à população formiguense, no qual hoje se encontra o Museu Municipal de Formiga, com todas as dependências reformadas, móveis funcionais e, principalmente, mantendo as características originais, que fizeram do local um dos pontos mais tradicionais de nosso município e onde se encontra também um "vagão" que foi reformado e funciona agora uma Biblioteca Pública.

 
Prefeitura Municipal de Formiga