Fechar imagem

Notícias

  • Cidadão

Mais lidas

  • Banco de Alimentos já doou mais de 94 mil quilos de alimentos neste ano
  • Processo seletivo para cantineira e cuidador social ocorrerá neste domingo
  • Administração Municipal continua mantendo compromissos com Formiga diante de crise que atinge cidades vizinhas e prejudica serviços públicos
  • Administração Municipal terá ponto facultativo nesta sexta-feira
  • Cidade Nova realiza colheita de beterrabas na unidade III do Projeto Horta Urbana
  • Oficinas na EMMEL movimentam segundo dia do Festival de Inovação e Cultura Empreendedora em Formiga

30/05/2018 15h37

Prefeito e lideranças públicas decidem limitar abastecimento de combustíveis em postos

A medida foi tomada hoje em reunião até que a situação se normalize e todos os formiguenses tenham condições de abastecer os seus veículos; previsão é de que caminhões com combustíveis cheguem nesta noite a Formiga

Prefeito e lideranças públicas decidem limitar abastecimento de combustíveis em postos

Em reunião realizada hoje, às 14 horas, o prefeito Eugênio Vilela e lideranças públicas decidiram limitar os abastecimentos de combustíveis em postos de Formiga. Participaram do encontro a promotora de Justiça Clarissa Gobbo; o chefe de Gabinete, Thiago Leão Pinheiro; o tenente coronel da PM, Wellington Levy Teixeira; o cabo Henrique; o tenente Cunha, do Corpo de Bombeiros; o presidente da Câmara, Evandro Donizete; o vereador Mauro César; o presidente do Sindvesf, Paulo César da Costa; a presidente da ACIF, Isabel Pereira, e o presidente da CDL, Silvino Luciano.

A previsão é de que os produtos cheguem nesta noite a Formiga e, até que a situação se normalize, ficou decidido que, a princípio, os postos ficarão autorizados a abastecer os carros em até 30 litros e as motos em até 10 litros. Além disso, estarão proibidos de vender os produtos em galões.

O Ministério Público expediu uma recomendação limitando o abastecimento, que será entregue a todos os postos da cidade. A promotora Clarissa Gobbo ressaltou que, diante da situação, os postos não poderão aumentar os preços dos combustíveis. Caso isso ocorra, o Procon será acionado e a empresa notificada.

Para o prefeito Eugênio Vilela, a medida é necessária para que todos os formiguenses tenham condições de abastecer seus veículos. “A decisão valerá no início até que o serviço volte ao normal. É bom lembrar que essa restrição não se aplica a veículos oficiais, como ambulâncias. Estamos preocupados com esse desabastecimento tanto de combustíveis quanto de gás de cozinha em nossa cidade.”

Segundo o tenente coronel Wellington Levy, hoje pela manhã quatro caminhões de carga de combustíveis e um de gás saíram de Formiga para buscar os produtos e abastecer a cidade. Ele garantiu que, caso ocorra algum imprevisto, a Polícia Militar fará a escolta dos caminhões amanhã.

    Compartilhe

     
    Prefeitura Municipal de Formiga